g2h

level

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

História assustadora traz

História assustadora traz para você decifrar se é mito, verdade ou lenda a história que anda circulando.

Estados Unidos, uma linda e rica mulher cometeu um crime bárbaro e foi parar numa prisão de segurança máxima. Bom, ela iria ficar lá o resto de sua vida, sabe?
E não se conformava com isso. Pensou muito, e não via como poderia escapar dali.
Nessa prisão havia um padre, que dava a extrema unção
quando algum preso do corredor da morte era executado.
Esse padre estava com um sério problema de visão, e estava quase ficando cego. Em uma de suas visitas, a jovem e rica prisioneira ofereceu-lhe muito dinheiro para ajudá-la a escapar dali. Ele, é claro, recusou. Religioso que era, não havia a menor possibilidade dele aceitar.
Porém, nas visitas seguintes, ela continuou com a oferta, dizendo que ele poderia realizar a cirurgia caríssima para
salvá-lo. Até que um dia, ele disse:
-Só há um jeito de sair daqui. Mas você precisa ter muita
coragem.
-Diga, padre. Por favor!
-Quando o sino tocar duas vezes, é que morreu um preso.
Na mesma noite em que você ouvir o sino, desça até o necrotério silenciosamente, abra o caixão e deite-se ao lado do cadáver. Pela manhã, após o funeral, eu irei até o cemitério e tiro você de lá.
Ela se arrepiou, mas ficou muito ansiosa com a possibilidade de escapar da prisão perpétua.
Duas semanas se passaram, pareceram dois anos. O tão esperado badalar do sino foi ouvido. Alguém tinha morrido.
À noite, ela vestiu um casaco, colocou no bolso uma caixa de fósforos para ajudá-la a achar o caminho e saiu na escuridão. Não foi difícil achar o caixão. Ela o abriu e deitou-se junto ao morto. É óbvio que ela não conseguiu nem cochilar. A manhã chegou, e finalmente houve o sepultamento.
Se passaram dez, vinte, trinta minutos, e o ar já estava ficando rarefeito. O padre não chegava... Ela pensou que talvez a demora fosse psicológica, talvez não houvesse
passado nem cinco minutos.
Lembrou-se dos fósforos, e iria olhar o relógio. Quando ela acendeu o palito, a claridade iluminou o rosto do morto...
Ah.......

O morto era o padre.

O que você acha dessa história? Têm uma melhor? Então faça seu comentário.

3 comentários:

  1. Eu sou apenas Blog para o seu site ... e você tem um grande site.

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkk gostei da história, no final foi até engraçada! rs rs

    ResponderExcluir
  3. Empolgante, mas com um final pobre.

    ResponderExcluir

Fantasma

Postagens populares

Google+ Followers

Google+ Badge